Em 2014, a Banda Armandinho, Dodô e Osmar completa 40 Carnavais

About 

Em 2014, a Banda Armandinho, Dodô e Osmar completa 40 Carnavais
Votem por favor! Trio eletrico
whatsapp
whatsapp

Banda Armandinho, Dodô e Osmar

Crédito: Divulgação/Felipe Oliveira

40 Anos de História! Uma História de Originalidade, Paixão, Respeito, Criatividade e Música! Tudo isso em letras maiúsculas, porque tudo o que se refere a esta História tem que ser contado assim, em destaque. Em 2014, a Banda Armandinho, Dodô e Osmar completa 40 anos de carreira, e o Carnaval será de comemorações, porque foi no Carnaval de 1974 que essa História começou a ser contada, em cima do Trio Elétrico, aonde Betinho, Armandinho, Aroldo e André Macêdo fazem questão de estar todos os anos.

Eles foram a primeira Banda a registrar em disco o som de um Trio Elétrico, gravando em 1974 o LP “Jubileu de Prata”. Depois, foram os primeiros a levar esse som para outros estados, em shows e apresentações em programas nacionais de rádio e televisão, se transformando nos primeiros artistas midiáticos do Carnaval baiano. Foram eles também que exportaram o som do Carnaval, levando o Trio Elétrico de Armandinho, Dodô e Osmar para a Itália, em 1983, iniciando uma carreira internacional, com passagens pela França, México, Estados Unidos e Argentina.

São eles os únicos que mantém a voz original do Carnaval – a Guitarra Baiana – ativa e moderna, sempre trazendo a linguagem do povo para o Trio Elétrico. Armandinho Macêdo, o mestre da Guitarra Baiana – instrumento inventado pelo pai deles, Osmar Macêdo, junto com o parceiro Dodô – é o maior pesquisador, desenhista, estudioso e representante do instrumento, e em 2014, o mestre Armandinho completa 50 anos de carreira.

Ao longo dessas quatro décadas, a Banda Armandinho, Dodô e Osmar gravou 16 discos, emplacou sucessos nacionais como “Pombo Correio”, “Chão da Praça”, “Vassourinha Elétrica”, “Vida Boa”, “Zanzibar”, “Lua dos Amantes” e “Chame Gente”, o verdadeiro hino do Carnaval da Bahia, a festa mais democrática do mundo. Mas a Banda também é responsável por números instrumentais que levam o público a aplaudir o Trio Elétrico por onde passa, ao som de “Rock de Caicó”, “É a Massa”, “Dança do Tempo”, os
“Frevos Dobrados”, de Aroldo Macêdo, “Bolero”, conhecida como “Bolero de Ravel” e “Smooth” fazem parte do repertório da Banda Armandinho, Dodô e Osmar, sempre com arranjos feitos por eles para o Trio Elétrico. Com o DNA musical correndo no sangue de cada um dos irmãos Macêdo, eles tocam de tudo, de jazz a pagode, passando pelo rock e pelo samba, em ritmo trieletrizado, e no Carnaval de 2014 eles prometem revisitar todos os discos gravados, tocando os maiores sucessos de cada ano, para celebrar
junto com os fãs e foliões esse aniversário.

Em 2014, o Trio Elétrico Armandinho, Dodô & Osmar leva novamente para as ruas o Abadado – o nome vem de Abadá Dado – projeto social iniciado em 2003, que arrecada latas de leite em pó, depois doadas a instituições carentes de Salvador. Os fãs e seguidores do Fobicão Espacial podem trocar uma lata de leite em pó por um abadá do Trio Elétrico, e brincar o Carnaval da forma como ele foi inventado, sem cordas, de graça, com música e alegria. A troca dos Abadados é feita diretamente no Trio Elétrico, antes do início do desfile, ou antecipadamente em alguns locais, que serão divulgados na Fan Page da Banda: www.facebook.com/armandinhododoeosmar. O Trio desfila no sábado de Carnaval no Circuito Osmar – Campo Grande / Praça Castro Alves – e domingo, segunda e terça no Circuito Dodô – Barra / Ondina.

A Banda Armandinho, Dodô & Osmar é formada por Armandinho Macêdo (Guitarra Baiana), Aroldo Macêdo (Guitarra Baiana), André Macêdo (Vocal), Betinho Macêdo (Baixo), Gabriel Macêdo (Guitarra), Jorge Brasil (Bateria), Luizinho Assis (Teclado), Emanuel Magno, Ronaldo Oliveira e Tiago Nunes (Percussão), Kaco e Suzana Bello (backings).
– See more at: http://www.jornalbahiaonline.com.br/noticia/25522/em_2014,_a_banda_armandinho,_dodo_e_osmar_completa_40_carnavais#sthash.GGnLRNDO.dpuf

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.